O homem mata. A arte transforma.

Rinos1_Fotor

Fotógrafo Brent Stirton diz que o que ele viu ‘abalou sua fé na humanidade’ | Foto: Brent Stirton/WPY

A vida mata para transformar. A arte é a própria morte em sua expressão mais transformadora. Este é um canto que não cessa, jamais silenciará. Nunca houve, nem haverá, força humana capaz de impedir essa inquietação. O manifesto desenhado no fundo de uma caverna; o texto escrita sobre papéis nobres ou proletários; pinturas realizadas para reis e papas ou mesmo para mineiros e plantadores de batatas. Não importa sua forma, ou linguagem, seu destino é sempre o mesmo: assombrar os vivos que caminham para a morte.

Os nosso sonhos são estéticos. Albrecht Dürer (1471-1528) jamais viu um rinoceronte mas sua representação do animal está fixada na retina da humanidade. As imagens que a arte do homen contemporâneo proporciona do mesmo animal é menos poética e perturbadora, porque a vida real (o homem real) é infinitamente mais cruel.

rino1_Fotor

Rinoceronte de Albrecht Dürer

Franz Kafka, nunca pisou na América, mas escreveu “O desaparecido ou Amerika“, uma descrição impressionante do novo mundo, tão insólita quanto a realidade. Mas com certeza o país construído depois de Kafka é muito mais duro, destruidor e cruel com os seus homens e mulheres do que sua ficção.

Muitos artistas pagaram caro por cumprirem seu ofício com rigor. Ontem eram perseguidos por poderes absolutos e concentrados, hoje são desqualificados no grande circo romano das redes sociais por forças pulverizadas, protegidas por sua covardia digital.

A arte corrompe é verdade, corrompe e mata ideias, atitudes dissimuladas e hipócritas de uma sociedade sempre fantasiada, disfarçada com roupas e máscaras patéticas, que somente corroídas pela acidez do tempo ou da arte, mostram a verdadeira face da tirania.

2 comentários sobre “O homem mata. A arte transforma.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s